OLÁ! PODEMOS TE AJUDAR?

Deixe seus dados. Faremos contato em breve!

Onde estamos

Empresa

Rua Leandro Martins da Costa, 89 Limoeiro, Caratinga, Minas Gerais.
CEP:35300-107.

Portfolio

VersaTEC lança plataforma de ensino EAD para capacitação do e-SUS

No dia 24 de outubro, aconteceu, na sede da VersaTEC, o encerramento do curso de capacitação e-SUS. A equipe de agentes comunitários, da Secretaria de Saúde do Município de Dom Cavati-MG, foi a primeira a se capacitar pela nova plataforma de Ensino a Distância da Versa.

O e-SUS AB (Atenção Básica) foi criado por meio da Portaria GM/MS n° 1.412, de 10 de julho de 2013, que prevê a substituição completa do SIAB – Sistema de Informação da Atenção Básica para os Municípios Brasileiros. Ele tem como objetivo utilizar sistemas de software para instrumentalizar o processo de trabalho nas UBS – Unidades Básicas de Saúde. O sistema evita desperdícios, a perda de recursos financeiros e prazos de procedimentos. Torna, assim, o trabalho mais eficiente e ainda melhora o atendimento da Atenção Básica da Saúde nos municípios.

A VersaTEC, atua na informatização de Unidades Básicas de Saúde utilizando o Software Público e-SUS, para efetiva Gestão da Atenção Básica e do PEC – Prontuário Eletrônico do Cidadão Integrado. No mês de outubro, ela lançou para o Mercado de Gestão da Saúde Pública de Municípios mais uma inovação: o AVA e-SUS.

O AVA eSUS, é uma Plataforma Virtual para Ensino a Distância (EAD) das funcionalidades do Software e-SUS. Sua metodologia de treinamento propõe uma organização dos instrumentos de avaliação de desempenho, para os participantes do ciclo de capacitação dos conteúdos formativos do profissional que opera o Prontuário Eletrônico do Cidadão. Aborda, ainda, as demais funcionalidades do software E-SUS AB. O formato proposto nesta metodologia é o de Educação a Distância por meio da utilização de um AVA.– Ambiente Virtual de Aprendizagem.

Para os agentes de saúde que participaram do encontro de encerramento, a plataforma só acrescentou. Segundo Dulcilene Garcia de Meireles Miranda, antes do curso, ela trabalhava no piloto automático. “Não havia um fluxo organizado de coleta e análise de dados. Hoje, sabemos que todas as informações que levantarmos tem uma finalidade e que estarão acessíveis no sistema do E-SUS.  Todos os profissionais envolvidos no processo só terão a ganhar.”

Já Márcia Antônia Silva, contou que a experiência de passar pelo curso foi enriquecedora. “Esta foi a primeira vez que estudei pelo método de ensino EAD e achei super proveitoso. Todo o material disponível na plataforma era muito didático e de fácil entendimento. Terminei a formação me sentindo pronta para entender a individualidade de cada paciente do sistema público de saúde e usar os dados que eu coleto de forma mais eficiente.”

Para o professor do curso Ageu Quintanilha Viana Nascimento, a primeira edição do curso foi uma experiência satisfatória. ” Mesmo tendo o mundo do ensino EAD como algo novo, toda a turma se empenhou e obteve altos índices de rendimento. Tenho a certeza de que todos concluíram a formação muito mais conscientes das ferramentas de trabalho que tem em mãos e de seus papéis dentro do sistema público de saúde.”

Saiba mais sobre a plataforma EAD AVA e-SUS

A AVA e_SUS organiza a apresentação do todo o conteúdo formativo oficial da estratégia e-SUS AB e Prontuário Eletrônico do Cidadão. São informações em textos, slides, guias, animações e vídeo aulas que totalizam 20 horas de formação. Nesta solução, o aluno encontra duas frentes de atividades:

  1. Atividades para reforço e fixação de conteúdo que contam com uma sequência de exercícios que propõem testar a aptidão e desempenho relacionado a cada conteúdo.
  2. Ao aluno que alcança resultado igual ou superior a 70%, de acerto nas atividades, é emitido um certificado de conclusão do curso.

Mais uma turma recebe capacitação do e-SUS pela nova plataforma da VersaTEC

No dia 07 de novembro, mais uma turma de agentes comunitários de saúde realizou a capacitação para o e-SUS por meio do AVA e-SUS. Desta vez, foi a equipe do município de Santa Rita de Minas. Eles estiveram presentes na VersaTEC para receber o treinamento.

No encontro foram abordadas as operações e funcionalidades básicas do software, assim como a importância de qualidade na execução da rotina de alimentação dos dados dos pacientes no software e-SUS. Uma dinâmica, com o intuito de indicar o fluxo de trabalho correto na gestão de uma Unidade Básica de Saúde (UBS), foi realizada com os agentes.

Para finalizarem a habilitação no curso de formação de operação do software e-SUS, os agentes utilizarão o Ambiente Virtual de Aprendizagem da VersaTEC; o AVA e-SUS. Serão 20 horas de aulas a distância para depois receberem o certificado de conclusão de curso.

Amanda Batista, professora da VersaTEC, enfermeira e especialista em Atenção Básica de Saúde, foi a responsável por conduzir o treinamento da turma de Santa Rita.

A VersaTEC, em parceria com a Elevar Geotecnologias, adquire um Horus Maptor Agro

A VersaTEC, em parceria com a Elevar Geotecnologias, avança em sua atuação nas áreas de Geoprocessamento e Sistemas de Informação Geográficos (SIG). Neste mês, foi realizado um investimento para a aquisição de um VANT – Veículo Aéreo Não Tripulado. O novo equipamento é moderno, com alta capacidade de performance e possui autonomia de voo.

Embora se confunda, o VANT não é o mesmo que um drone. Eles se diferem em seu propósito de uso. Enquanto o primeiro tem finalidade comercial, de pesquisa ou experimentos, o segundo é utilizado para uso recreativo.  No Brasil, o VANT já vem sendo empregado em algumas atividades como mapeamento referente ao desmatamento da Floresta Amazônica e na proteção de fronteiras.

Antes, para atuar com o planejamento e construção de projetos de geoprocessamento de municípios, a Versa necessitava adquirir imagens de satélites, e aí sim, ter acesso as áreas geográficas de interesse. Agora, a empresa vive um novo momento: o de levantamento ou captação de fotografias aéreas por conta própria. A nova aeronave é utilizada em projetos para iniciativa pública e privada.

Ter um Sistema de Informação Geográfico auxilia, de maneira significativa, na gestão de um empreendimento, projeto ou ação. O objetivo de se construir e manter um SIG é o de alcançar um controle visual sobre o espaço geográfico em questão. Mantendo, assim, uma gestão visual sobre o espaço geográfico ao longo do tempo.

Os novos serviços já estão à disposição de empresas e organizações públicas que tenham interesse.

 

Conheça o Horus Maptor Agro

 

O VANT adquirido pela VersaTEC e Elevar Geotecnologias é um modelo Horus Maptor Agro. De fabricação nacional, ele fornece informações fundamentais para tomadas de decisão de maneira objetivo. Realiza e conclui seu trabalho com economia, qualidade, agilidade e segurança. O exemplar é automático e faz o pouso linear. Tem autonomia de uma hora de voo e cobre até mil alqueires por voo. Possui uma câmera RGB e multiespectral.

Serviços de mapeamento das áreas urbanizadas e levantamento de imagens em alta definição, para projetos de atualização dos cadastros urbanos de municípios, são desenvolvidos com sua ajuda. Ele também auxilia no mapeamento de áreas rurais, análise da produtividade, identificação de pragas e doenças nas lavouras.

A VersaTEC agora faz parte da ABED

No início deste ano, a VersaTEC tornou-se associada da ABED – Associação Brasileira de Educação a Distância. A empresa foi registrada como mantenedora e, agora, já está apta a desenvolver projetos, aprofundar conhecimentos e incentivar a educação a distância em todas suas formas.

A VersaTEC, empresa especializada em tecnologia da informação, está localizada na Cidade de Caratinga – Leste Mineiro. Desde o segundo semestre de 2018, passou por uma abrangente reestruturação. A fase de mudanças foi reflexo de um processo progressivo de expansão comercial.

Após alcançar a consolidação no mercado de soluções para tecnologia, a empresa se viu pronta para abrir novos braços comerciais e ofertar serviços para área de educação, buscando, assim, entrar no mercado competitivo do ensino distância. Com sua associação à ABED, a VersaTEC dá um grande passo para seu reconhecimento neste ramo.

Hoje, a empresa possui soluções educacionais tanto para gestão de instituições de ensino, como também o Versa AVA, um ambiente virtual de aprendizado, onde objetivo é facilitar o ensino à distância (EaD) para todos os envolvidos.

Segundo Glauber Costa, diretor de tecnologia da VersaTEC, a associação da empresa à ABED é de extrema importância. “Como os afiliados estão associados a diversos níveis de interesse, como instituições de ensino, empresas desenvolvedoras de produtos tecnológicos e conteúdo de educação a distância, esse intercâmbio de informações nos agrega conhecimento e experiência. ”

Conheça a ABED

A Associação Brasileira de Educação a Distância – ABED, surgiu com o intuito de desenvolver educação à distância. Ela faz parte da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência – SBPC e, é filiada a instituições internacionais como o International Council For Open and Distance Education – ICDE.

É uma associação cientifica sem fins lucrativos e sem conexões ideológicas de qualquer caráter, que busca apoiar a “indústria do conhecimento” do país e reduzir, assim, as desigualdades ocasionadas pelo distanciamento dos grandes centros urbano. A ABED estimula o ensino à distância, dando oportunidade a todos e, também, promove a utilização de diversas mídias na realização desta educação.

Sua finalidade é trabalhar em conjunto com diversos tipos de entidade na promoção de técnicas e pesquisas e, tudo que envolve a evolução da educação a distância.

VersaTEC marca presença em evento de educação e tecnologias

O Diretor de Tecnologia da VersaTEC, Glauber Costa marcou presença no EdTech Conference 2019: a era da educação 3.0 chegou. O evento, organizado pela StartSE, aconteceu no dia 21 de fevereiro no Expo Center Norte, em São Paulo e contou com a participação de educadores, gestores escolares e de universidades, profissionais de recursos humanos e empreendedores.

O Edtech Conference, considerado o maior e mais expressivo evento de educação e tecnologias, reuniu em sua terceira edição cerca de 1,6 mil pessoas. Profissionais de diversas áreas discutiram sobre o futuro do ensino no que diz respeito ao uso da sobre a necessidade de que as escolas repensem seu papel para definir como atuarão em um mundo digital e conectado.

Uma palestra destaque foi a do diretor do Instituto Ayrton Senna. Emilio Munaro discutiu em torno da educação para todos no que se chama de quarta Revolução Industrial. Destacou a importância do desenvolvimento socioemocional para estudantes e enfatizou sobre o valor de proporcionar mais aprendizagem e menos ensino.
Além das palestras, algumas startups apresentaram por meio de aplicativos suas mais novas soluções tecnológicas. Também foram exibidas plataformas que apoiam diferentes atividades de aprendizagem utilizando tecnologias específicas.

Uma coisa foi unanime entre os palestrantes que ressaltaram a necessidade de um alinhamento do sistema educacional com as tecnologias atuais. Todos observaram a obrigação de que escolas repensem suas funções e definam como agir neste novo mundo.

Segundo Glauber Costa, discutir educação a distancia sobre o prisma tecnológico é de extrema importância. “Ouvi muitas ideias interessantes que temos que implementar e, também, desafios a resolver que serão fundamentais para contribuir com o ensino a distância”.